A importância do Capital de Giro

Postado por Márcio Hoff, 11-04-2020 - 10:18

A importância do Capital de Giro

Toda empresa pode passar por momentos de queda nas vendas, sazonalidade, despesas imprevistas ou crises relacionadas ao momento econômico geral. Nessas fases o capital de giro é o seguro operacional do seu negócio.

As empresas recebem duas formas de investimento para a sua abertura: o investimento fixo e o capital de giro.

Investimento fixo é o necessário para a aquisição de bens e estrutura essenciais para a abertura do negócio.

Capital de giro é o valor necessário para manter a empresa em funcionamento ao longo do ciclo operacional do seu negócio.  

Em resumo, o capital de giro é a diferença entre o valor disponível em caixa, contas a receber e o valor das obrigações em determinado período.

Manter uma provisão de capital de giro é fundamental para a saúde financeira do seu negócio e manutenção dos pagamentos e obrigações, como, por exemplo:

  • Vender à prazo e crédito a clientes;
  • Realizar a reposição de estoques;
  • Pagamentos a fornecedores;
  • Manutenção dos custos operacionais como despesas fixas, impostos, salários, etc.

Toda empresa pode passar por momentos de queda nas vendas, sazonalidade, despesas imprevistas ou crises relacionadas ao momento econômico geral. Nessas fases o capital de giro é o seguro operacional do seu negócio.

Empresas com baixo capital de giro têm dificuldade em arcar com as suas obrigações e ficam mais expostas a riscos financeiros.

Como chegar ao valor ideal de capital de giro?

Para começar é necessário manter um bom planejamento do seu negócio. Controles financeiros confiáveis são fundamentais para definição e manutenção da saúde financeira da sua empresa.
Para chegar ao valor de capital de giro, que você possui hoje, é preciso subtrair o Passivo Circulante do Ativo Circulante.

CG = ATIVO CIRCULANTE - PASSIVO CIRCULANTE.

O Ativo Circulante é composto por todos os recursos disponíveis ou facilmente convertidos em dinheiro em determinado período. Pode-se considerar dinheiro em caixa, contas bancárias e aplicações, contas a receber entre outros.

O Passivo Circulante é composto por todas as obrigações em determinado período.

No final, o resultado dessa conta deve ser positivo e quanto maior melhor, pois suportará sua operação por mais meses.

Considere sempre em seu planejamento a necessidade de reunir um capital de giro compatível com a realidade de seu negócio. Isso vai evitar problemas maiores em momentos difíceis e em alguns casos pode ser decisivo para a sobrevivência da sua empresa. 

Outras Publicações

O que são KPI’s e por que elas são importantes para sua empresa
Quando lemos isso, dá a entender que é algo complexo, mas é mais simples do que você imagina....
Leia Mais
Vendas externas realizadas com a utilização de Aplicativo de celular integrado ao sistema ERP da empresa: um panorama de otimização dos processos gerenciais.
Falaremos sobre os ganhos no processo da empresa como um todo, desde a formalização do pedido com o cliente ...
Leia Mais
A Modernização da Gestão Rural
Quem pensa que gestão de agricultura se resume a supervisionar o plantio e cuidar da colheita está redondame...
Leia Mais
Aprenda o que é e como elaborar um bom relatório gerencial
A ausência de dados sobre a saúde financeira da empresa leva muitas vezes o gestor a não elaborar um bom re...
Leia Mais
Logística 4.0: o que é
Graças às mudanças da transformação digital nos negócios, surgiu a logística 4.0, um movimento que mexe...
Leia Mais